Ex-dono de reforço escolar é preso após condenação por estupro de criança em Teresina

O crime aconteceu em 2019 e envolveu uma criança de 4 anos

Prisão do empresário (Foto: DOT)

O empresário Antônio Batista de Miranda Filho, de 62 anos, condenado a 14 anos de prisão pelo crime de estupro de vulnerável, foi preso, na manhã desta quinta-feira (20), no bairro Jóquei, zona leste de Teresina.

A investigação da Polícia Civil do Piauí confirmou que o acusado estuprou uma criança de 4 anos em março de 2019, quando era proprietário de um reforço escolar, onde o crime aconteceu. A vítima estudava no reforço escolar.

Na época, ele chegou a ser preso por meio de denúncia na Delegacia de Proteção à Criança e ao Adolescente (DPCA). Conforme o diretor de Operações de Trânsito, Fernando Aragão, no decorrer do processo, o empresário foi absolvido em primeira instância. No entanto, agora vai cumprir a pena de prisão.

“A prisão é um marco significativo na luta contra crimes hediondos, especialmente àqueles cometidos contra crianças. Embora tenha sido absolvido em primeira instância, a justiça prevaleceu. Agora ele enfrentará as consequências de seus atos”, pontuou o diretor.

O homem foi encaminhado para a Central de Flagrantes de Teresina e está à disposição da Justiça.

 

📲 Siga o Portal ClubeNews no Instagram e no Facebook.
Envie sua sugestão de pauta para nosso WhatsApp e Entre na nossa comunidade.
Confira as últimas notícias: clique aqui! 



∴ Compartilhar